> NOTÍCIA

Publicado em 15/02/2017 19h32
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

Procon-JP alerta aos clientes do BB sobre cobrança de taxa de transferência

Os clientes das agências do Banco do Brasil que foram fechadas em João Pessoa não devem arcar com a taxa do serviço de transferência e têm a liberdade de optar para qual unidade deseja levar sua conta.

Os clientes das agências do Banco do Brasil que foram fechadas em João Pessoa não devem arcar com a taxa do serviço de transferência e têm a liberdade de optar para qual unidade deseja levar sua conta, segundo esclarece a Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP). O Banco do Brasil fechou quatro agências na Capital e transformou outras duas em postos de atendimento.
 
O alerta do Procon-JP é, principalmente, para aqueles clientes que utilizam os serviços das agências do Banco do Brasil no Espaço Cultural, Shopping Sul, Mag Shopping, Cabo Branco, Rua Treze de Maio e Centro Administrativo Municipal. De acordo com Ricardo Holanda, titular do Procon-JP, se algum cliente dessas agências perceber que houve cobrança de taxa de transferência ou não receber a opção da escolha de uma nova agência deve acionar a Secretaria imediatamente para que o banco responda por essas abusividades.
 
“O banco não deve responsabilizar o cliente por uma decisão interna. Não deve haver cobrança de nenhuma taxa de transferência e, ao cliente, deve ser dado o direito de escolha por uma nova agência. Também avisamos que o consumidor deve pedir o ressarcimento ao próprio banco se algum pagamento desse tipo já foi verificado”, explicou Ricardo Holanda.
 
E acrescenta: “Estamos à disposição para intermediar quaisquer problemas, mas já adiantando que autuaremos o banco se verificarmos qualquer denúncia nesse sentido. Estamos recebendo, por parte desses clientes, pedidos de orientações sobre a cobrança de taxas de transferências”.
 
Antecipação – O Procon-JP já tinha se antecipado para esse tipo de problema desde que houve o anúncio do fechamento de agências. “Chegamos a nos reunir com representantes do Banco do Brasil para discutir como ficaria essa relação com os clientes. Garantimos aos consumidores que ficaremos atentos a toda e qualquer cobrança indevida, seja em caso de fechamento de agência ou não”, afirmou Ricardo Holanda.
 
Agências fechadas do BB em João Pessoa
Espaço Cultural – agência 4453
Shopping Sul – agência 4571
Mag Shopping – agência 4636
Cabo Branco – agência 5891
 
Transformadas em postos de atendimento 
Rua Treze de Maio – agência 4020
Centro Administrativo Municipal – agência 5071
 
Atendimento do Procon-JP:
Sede - segunda-feira a sexta-feira (8h às 14h) na Avenida D. Pedro I, nº 473, Tambiá.
 
Telefones: segunda-feira a sexta-feira das 8h às 14h: 0800 083 2015, 2314-3040, 3214-3042 ou 3214-3046.
 
ProconJP-MP - segunda-feira a sexta-feira (8h às 17h) na sede situada no Parque Solon de Lucena, nº 300, Centro.

 

Secom JP


tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share