> NOTÍCIA

Publicado em 09/04/2018 12h46
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

Fantástico: Globo diz que Cabedelo é o "paraíso da corrupção" e ainda envolve prefeito interino em esquema

Vitor Hugo aparece recebendo um envelope com possível propina, segundo a reportagem

Por Fatospb

O prefeito Leto Viana, do município de Cabedelo, localizado na região Metropolitana de João Pessoa,  preso durante a Operação Xeque-Mate, realizada pela Polícia Federal, em conjunto com o Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público da Paraíba, conseguiu colocar a Paraíba em evidência na noite deste domingo em rede nacional de televisão, mas de uma forma que nenhum paraibano decente gostaria de ter assistido, como a Capital brasileira da corrupção.

O quadro “cadê o dinheiro que estava aqui”, exibido no programa Fantástico da Rede Globo de Televisão exibiu na noite deste domingo, 8, uma extensa reportagem mostrando o esquema de desvio de dinheiro público por parte das principais autoridades da cidade portuária.

Até o atual prefeito interino da cidade, vereador Vitor Hugo Castelano, foi mostrado recebendo um envelope com dinheiro das mãos da secretária do prefeito Leto Viana. Vitor Hugo emitiu uma nota se defendendo:

NOTA:

Minha vida, pública ou não, sempre foi pautada pela honestidade e transparência. Nunca precisei esconder fatos ou utilizar de meios ilegais para conquistar objetivos e chegar onde cheguei.

A maior prova disso é justamente a “Operação Xeque Mate”, que investigou a fundo as irregularidades cometidas em Cabedelo, colheu provas e prendeu ou afastou todos os envolvidos.

Por isso mesmo fui pego de surpresa na noite deste domingo, com a utilização do meu nome pelo programa da Rede Globo “Fantástico” entre os vereadores envolvidos no esquema. A entrega de envelopes é um fato comum e corriqueiro na relação entre o legislativo e o executivo.
Nesse dia em específico, recebi o meu salário normal de cada mês, feito em cheque. Fato provado, repito, pela própria Operação, que não me incluiu entre os envolvidos no esquema.

Outro fato que me causou estranheza foi a quebra de um dos preceitos básicos do jornalismo: ouvir os dois lados e conceder espaço para a defesa dos citados. Em NENHUM momento fui procurado pela Rede Globo.

Continuo à disposição da Justiça, da Polícia e principalmente do povo de Cabedelo para qualquer esclarecimento que se faça necessário.

Vítor Hugo – Prefeito de Cabedelo

Agora, veja abaixo a reportagem completa exibida no Fantástico:


 

 

 

Fonte: Redação com vídeo do Youtube

tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share