> NOTÍCIA

Publicado em 23/05/2018 18h10
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

Prefeitura inicia formação continuada dos professores da língua inglesa

A capacitação esse ano tem o foco no ensino mais contextualizado da língua inglesa e do ensino crítico

Alexandre Quintans
 
A Secretaria de Educação e Cultura de João Pessoa (Sedec-JP) deu início, nesta quarta-feira (24), ao processo de formação continuadas dos professores de inglês da Rede Municipal de Ensino. A formação é uma parceria do Centro de Línguas Estrangeiras (Celest) com o projeto de extensão Espaços para a Formação do Professor de Língua Inglesa (Efopli), da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).
 
A capacitação esse ano tem o foco no ensino mais contextualizado da língua inglesa e do ensino crítico. São trabalhados tópicos relacionados a literatura, de como adaptar textos e livros para sala de aula, sempre no viés crítico e de fortalecer o uso da língua em sala de aula pelo professor.
 
“Esse é o segundo ano consecutivo que a Prefeitura de João Pessoa vem com essa parceria com a UFPB, promovendo essa formação para os professores de língua inglesa. Estamos ofertando um trabalho de excelente qualidade com esses profissionais da universidade e os professores da rede municipal, visando a troca de experiência e um aprofundamento em novos modelos de ensino. Nosso foco é o incentivo ao ensino da língua inglesa”, explicou o diretor do Celest, Jonathan Vieira.
 
A formação é ministrada por uma equipe do Efopli, que é coordenado pela professora Mariana Perez, tendo a duração de três meses e uma carga horária de 40h. Os encontros são no Celest e beneficiam cerca de 80 professores da rede.
 
“A formação tem um alcance muito amplo porque não atingimos apenas os professores em termo de motivação e de desenvolvimento profissional, mas também por impactar os alunos em sala de aula. Se você tem um professor mais motivado, com certeza temos a chance de termos aulas mais motivantes, contextualizadas e significativas”, disse Mariana Pérez.
 
Em um segundo momento da capacitação será tratada as questões da tecnologia, discutindo de qual maneira essas atividades estão sendo elaboradas, pensadas e podem ser compartilhadas. Parte dessa formação será realizada por meio de uma plataforma online, a cada 15 dias, com encontros a distância. 
 
Claudiane Costa Aguiar é professora da Escola Municipal Cícero Leite e já participa da quarta formação por saber da importância para o seu trabalho em sala de aula. “A formação é um momento muito importante para nós porque temos a oportunidade de compartilhamos com outros professores nossas experiências e dúvidas. Também é um momento de reflexão, bem como aprender novas técnicas e estratégias para desenvolvermos nossas aulas”, ressaltou a professora.

 

Fonte: Secom-JP


tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share