> NOTÍCIA

Publicado em 11/07/2018 11h00
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

Caravana do Coração atende gestantes de alto risco em Patos e segue para Esperança e Guarabira

No atendimento em Patos, as gestantes receberam orientações de pós-parto e cuidados com o bebê

Por Assessoria

A 6ª edição da Caravana do Coração realiza atendimentos nesta quarta-feira (11) na cidade de Esperança e quinta-feira (12) estará no município de Guarabira. Nessa terça-feira (10), 23 gestantes foram contempladas com as ações da Caravana na cidade de Patos. As atividades aconteceram na sede do Banco de Leite da Maternidade Dr. Peregrino Filho. No local, elas fizeram exames e receberam orientações para preservar a saúde e os cuidados com seus bebês. Os atendimentos aconteceram durante todo o dia e envolveram 36 voluntários. No dia 13, serão realizados atendimentos em Itabaiana e o encerramento da Caravana será em Mamanguape, no próximo sábado (14).

 

No atendimento em Patos, as gestantes receberam orientações de pós-parto e cuidados com o bebê; e foram submetidas a vários exames, a exemplo de testes rápidos de HIV, Hepatite B e C, sífilis, urina, além de terem aferida a pressão arterial e pesagem.

 

A Caravana conta com obstetras, além de odontólogos e nutricionistas que disponibilizaram orientações para melhorar a dieta e a saúde bucal. No total, a Caravana do Coração em Patos atendeu, além das 23 gestantes, 129 crianças de 0 a 12 anos, diagnosticadas com alguma alteração cardíaca, mais cinco delas com microcefalia.

 

A Caravana, uma ação resultante de parceria do Governo do Estado/Secretaria de Estado da Saúde e a ONG pernambucana Círculo do Coração, com apoio da Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba (RCP), tem o objetivo de realizar um mutirão de triagens, consultas e exames cardiológicos com ajuda de uma equipe multidisciplinar de profissionais de diversas áreas.

 

Capacitação – A Caravana também realizou capacitações. Ao todo, 202 profissionais da Maternidade Dr. Peregrino Filho, além da Atenção Básica e do SAMU participaram dos treinamentos.

As oficinas foram destinadas para gestores municipais, gerentes Regionais de Saúde, gestores dos hospitais e professores das Redes de Ensino estadual e municipal.

Um destes treinamentos, “Apresentação RCP, discussão do protocolo de pré-natal”, foi ministrado pela médica obstetra Viviane Meneghetti, nas dependências da Maternidade. Participaram da capacitação 35 profissionais da unidade, entre enfermeiros e técnicos.

Fonte: Secom/PB

tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share