> NOTÍCIA

Publicado em 01/08/2018 16h24
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

Morre o paraibano Antonio Dias, um dos maiores artistas plásticos do mundo

Ele estava lutando contra um câncer há alguns anos e morreu em casa no Rio de Janeiro

Por Fatospb

O artista plástico parabano Antonio Dias, 74 anos, morre na tarde desta quarta-feira, 1º de agosto, na casa onde morava no bairro de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro.Segundo informações ele estava acometido de um  câncer há alguns anos e não conseguiu vencer a doença.

Antonio Dias estudou com Osvaldo Goeldi, no Atelier Livre de Gravura da Escola Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro.

Em 1965 recebeu uma bolsa para estudar na França, iniciando uma longa permanência no exterior, recebendo bolsas que o levam a Milão, Nova Iorque, Berlim e ao Nepal, onde aprende técnicas de fabricação de papel. [2]

Em 1988, reside em Berlim como bolsista do Deutscher Akademischer Austausch Dienst - DAAD [Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico]. Em 1992, torna-se professor da Sommerakademie für bildende Kunst, em Salzburgo, Áustria, e, no ano seguinte da Staatliche Akademie der bildenden Künste, em Karlsruhe, Alemanha.

Participou em diversas mostras de grande prestígio, como a 39° Bienal de Veneza, e da XVI Bienal Internacional de Arte de São Paulo.

Uma de suas características é o uso de papel artesanal, integrando a textura e a cor em suas obras.

Fonte: redação com Wikipédia, a enciclopédia livre com foto do diário do Nordeste

tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share