> NOTÍCIA

Publicado em 13/11/2018 12h16
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

Artesãos paraibanos comemoram vendas no 11º Salão do Artesanato de São Paulo

Em quatro anos, as vendas do Programa do Artesanato da Paraíba no Salão de São Paulo cresceram 155,5%

Por Assessoria

Artesãos que integram o Programa do Artesanato da Paraíba (PAP), vinculado à Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico, comemoram a participação na 11ª edição do Salão do Artesanato de São Paulo. No evento, considerado uma grande vitrine da produção artesanal brasileira, foram comercializadas 1.537 peças, totalizando um volume em vendas de R$ 107.614,00.

Dados do Governo do Estado mostram que a participação do artesanato da Paraíba no Salão do Artesanato de São Paulo tem se consolidado a cada edição, realizada de dois em dois anos. Em 2014, por exemplo, o volume em vendas foi de R$ 42.105. Isso significa que, em quatro anos, as vendas do Programa do Artesanato da Paraíba no Salão de São Paulo cresceram 155,5%.

Mais do que números, segundo a gestora do Programa do Artesanato da Paraíba, Lu Maia, a participação dos artesãos paraibanos em eventos do setor mostra o crescimento e a qualificação deles. “Os investimentos feitos na gestão do governador Ricardo Coutinho têm produzido resultados surpreendentes. Os nossos artesãos ganharam profissionalização e independência financeira, fortalecendo o turismo e a cultura paraibana”, afirmou.

Participaram do Salão do Artesanato de São Paulo, realizado de 7 a 11 de novembro no Expo Center Norte, na capital paulista, artesãos de vários municípios paraibanos, a exemplo de Nova Palmeira, Campina Grande e João Pessoa. Todos selecionados por meio de edital de chamamento público, feito de acordo com as diretrizes do Programa do Artesanato Brasileiro.

Além da expectativa – A participação dos artesãos paraibanos na 11ª edição do Salão do Artesanato de São Paulo superou a expectativa. Muitos deles participaram do evento pela primeira vez, e afirmaram estar orgulhosos e satisfeitos com as vendas.

A artesã Edclee Carvalho, de João Pessoa, levou para o Salão do Artesanato de São Paulo cerca de 300 peças de roupas confeccionadas com algodão natural colorido e pintadas à mão, das quais vendeu mais de 200 peças. “Participar desse evento me deixou feliz, tanto pelas vendas quanto pela admiração que o meu produto despertou em turistas de vários estados. Quero agradecer muito a organização do Programa do Artesanato da Paraíba pela oportunidade”, disse.

 

Outro artesão que ficou satisfeito com a participação na 11ª edição do Salão do Artesanato de São Paulo foi Erinaldo Vieira. De Nova Palmeira, Agreste paraibano, trabalha com móveis e madeira em fichê há oito anos. “Tudo valeu a pena: a organização do evento, começando desde a nossa viagem a São Paulo, e principalmente as vendas, que foram bem além da minha expectativa”, concluiu.

Desde a primeira edição, o Salão do Artesanato de São Paulo reúne o que há de melhor na produção artesanal brasileira, com a participação de diversas atrações culturais oriundas de todas as regiões brasileiras. Ao todo, foram mais de mil artesãos, com diversas tipologias.

Fonte: Secom/PB

tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share