> NOTÍCIA

Publicado em 03/12/2018 00h00
  • Tamanho da letra
  • A-
  • A+

TCE inicia programa de discussão de temas relacionados à cidadania

O primeiro tema foi exposto pelo auditor de contas públicas André Agra

Por Assessoria

O Tribunal de Contas da Paraíba iniciou, na manhã desta sexta-feira (30), um programa de discussão de temas relacionados aos direitos e deveres da cidadania mediante contato direto com setores diversos da sociedade.

Saudados pelo presidente da 1ª Câmara Fernando Catão, em razão de viagem institucional do presidente do TCE André Carlo Torres Pontes, emissários das áreas de Planejamento de João Pessoa e Campina Grande, Conselhos das Cidades, OAB, UFPB e UFCG ouviram exposições sobre tecnologia aplicada ao bem estar social e mobilidade urbana.

O primeiro tema foi exposto pelo auditor de contas públicas André Agra, coordenador do Espaço da Cidadania Digital, ambiente do TCE onde tudo ocorreu. O segundo esteve a cargo da engenheira e coordenadora do Plano de Desenvolvimento Urbano de Campina Grande Valéria Barros.

Ambos os expositores trataram de questões relacionadas ao trânsito de veículos, à locomoção e acessibilidade das pessoas a prédios, calçadas e outros espaços públicos. A engenheira Valéria Barros – que dissertou sobre “As cidades para as pessoas” – enfocou a disputa pelos espaços urbanos travada entre pedestres e as frotas sempre crescentes de veículos.

“A ideia é envolver os muitos segmentos sociais na discussão de problemas cotidianos e afetos à vida em comum”, contou André Agra. Este novo projeto do Espaço da Cidadania Digital, por ele denominado “Talk TCE”, prosseguirá, em data ainda não definida, com debate dos problemas relacionados à segurança pública.

Primeiro a falar, o conselheiro Fernando Catão explicou que as preocupações atuais do Tribunal de Contas vão além do controle fiscal dos atos e gastos públicos. Envolvem, não menos, questões atinentes à qualidade dos serviços governamentais em áreas como as do abastecimento, limpeza urbana, educação, ou saúde, várias delas já submetidas a auditorias operacionais.

O presidente da seccional paraibana da Ordem dos Advogados Paulo Maia, a professora da UFPB Samara Gonçalves, o representante do Conselho Estadual de Trânsito Amauri Azevedo e o emissário da ONG “Educar para a Vida”, Luiz Carlos André, integraram o grupo que participou do encontro.

 

Fonte: Ascom/TCE-PB

tags
Nenhum resultado encontrado.

Comentar

Bookmark and Share