Boa música

Marina Eduardo vai dar um toque de lirismo em noite de “Romance” no Cabo Branco

Cantora lança o terceiro CD no dia 11 de outubro, a partir das 21h30, intitulado Romance

04/10/2019 23h02Atualizado há 2 semanas
Por: da Redação
Fonte: Redação com assessoria

Marina Eduardo Pereira Cavalcanti, não é nenhuma principiante na arte de cantar e aos 84 anos mostra que a canção não tem idade, inovando com a sonoridade e sensibilidade das boas músicas que marcaram época e que a transformaram  em um dos grandes expoentes do canto lírico na Paraíba.

 

Na próxima sexta-feira, dia 11 de outubro, a partir dar 21h30 ela vai lançar o terceiro CD da carreira, intitulado “Romance”, no Esporte Clube Cabo Branco, no bairro de Miramar, em João Pessoa, com ingressos que custam apenas R$ 20,00 e ainda dão direito ao CD da cantora.

O show terá a participação de Fábio Cavalcanti (guitarra e violão) Igo Wendell (teclados, sanfona e violão), Lula Nicácio (bateria), Augusto Maropo (bandolim) e contrabaixo Sergio Gallo.

Explicando sobre seu estilo de interpretação musical, Marina diz: “Como nunca estudei canto lírico, acredito que adquiri a minha técnica vocal participando como solista de grandes corais da Paraíba”.

Esse novo CD ela revela que é mais um sonho realizado e dedica ao marido que há décadas acompanha, acredita, enaltece e fortalece o trabalho dela. “Esse CD é mais um sonho concretizado e ficará como um novo registro musical para os meus descendentes e amigos, onde interpreto algumas melodias românticas de minha preferência que ofereço ao companheiro da minha vida, Aluízio Nicácio Cavalcanti”, sintetiza Marina Eduardo que é a pura representante de uma vida direcionada para o bem e para a boa música. 

 

Quem é Marina Eduardo?

Ela é filha do grande Maestro paraibano João Eduardo Pereira – Membro Fundador da Orquestra Sinfônica da Paraíba, da qual o maestro João Eduardo foi regente e SPALLA.

É dona de uma voz emocionante de soprano e intérprete de grande potência. Autodidata, possui uma técnica natural de canto.

Iniciou a vida artística logo cedo, cantando em festinhas escolares e em casas de amigos. Aos 12 anos atuou no Coral da Igreja do Rosário, em João Pessoa, já como solista.

Entrou para o Liceu Paraibano, onde foi solista do coral, sob a regência de Augusto Simões, renomado professor de música. Nessa ocasião, esteve em João Pessoa o grande Maestro Heitor Villa Lobos. O Coral do Liceu Paraibano homenageou o importante artista com um grande Concerto no Teatro Santa Rosa e Marina Eduardo solou duas belas canções do Maestro: Estrela é Lua Nova e Xangô.

Em 1950, o Maestro Italiano Rino Vizani tornou-se regente da Orquestra Sinfônica da Paraíba. Marina participou até 1954 como solista de vários concertos da Sinfônica, a convite do maestro. Na ocasião cantou em muitos eventos organizados pelo governo do Estado da Paraíba.

Também nessa mesma época, participou de um importante programa semanal na Rádio Tabajara com o Conjunto de Câmara, regido também pelo renomado Maestro Rino Vizani.

Em sua trajetória musical Marina Eduardo foi solista dos mais importantes corais da Paraíba:

- Coral da Igreja do Rosário - que por vários anos foi regido por frades alemães.

- Coral do Liceu Paraibano - dirigido pelo professor Augusto Simões.

- Coral do Conservatório de Música da Paraíba - com direção e regência de Luzia Simões Bartolini.

- Coral Maestro João Eduardo – era regido pela professora e musicista Marilda Eduardo Pereira (falecida em Outubro/2010). E atualmente segue sob a regência da maestrina Ariadne de Lima.

Em 2000, Marina Eduardo foi uma das ganhadoras do Concurso Cultural Talentos da Maturidade, promovido pelo Banco Real (atualmente grupo Santander) em São Paulo. Interpretou a belíssima canção: “Quem sabe”, de Carlos Gomes.

A cantora atua sempre em eventos sociais da cidade. Sendo solicitada em solenidades diversas, a exemplo do Tribunal de Justiça da Paraíba e Tribunal Regional Eleitoral, entre outras.

Em Dezembro/2010 Marina concluiu a gravação do seu primeiro e tão esperado CD intitulado “Estrellita” – nome da canção de Manuel Ponce, interpretada belissimamente pela cantora. O CD foi gravado e mixado no Estúdio Photogramma Áudio e Arte, do músico e designer gráfico Fábio Cavalcanti.

A artista é um talento incontestável e o retrato vivo de uma época pouco divulgada da história da Paraíba. Uma época de grandes talentos e poucas oportunidades.

Ficha técnica

O CD “Romance”, gravado e mixado pelo Estúdio Photogramma Áudio e Arte, foi produzido por ela e pelo filho Fábio Cavalcanti, músico, designer e responsável pela arte de capa e produção musical (arranjos, programação eletrônica, violões e guitarras).

Participaram da gravação do novo CD os renomados músicos Lula Nicácio (bateria e percussão), Fábio Geriz (teclados e acordeon), Augusto Maropo (Bandolim), Poty Lucena (contrabaixo), Toti Cavalcanti (sax), Tatá Vaz (contrabaixo), Adriano Ismael (contrabaixo acústico), Josélia Vieira (teclado), Mambo Jambo (bateria) e Léo Santos (percussão).

 

Serviço

Show: Lançamento do CD “Romance”

Cantora Marina Eduardo

Local: Esporte Clube Cabo

Dia: 11 de outubro

Hora: 21h30

Preço:  R$ 20,00 com direito ao CD

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias