ALPB

Assembleia comemora Dia Estadual do Oficial de Justiça

Para Raniery Paulino, é fundamental que a Assembleia reconheça o trabalho de mediação que os oficiais de Justiça realizam entre o Poder Judiciário e a população.

10/10/2019 21h02
Por: da Redação

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realizou, nesta quinta feira (10), Sessão Especial alusiva ao Dia Estadual do Oficial de Justiça, comemorado em 5 de setembro. Durante a sessão, proposta pelo deputado Raniery Paulino, membros de sindicatos e associações que representam a categoria no estado discutiram a importância da profissão para a sociedade.
 
Para Raniery Paulino, é fundamental que a Assembleia reconheça o trabalho de mediação que os oficiais de Justiça realizam entre o Poder Judiciário e a população. "Naturalmente, hoje, prestamos homenagens a esses profissionais, mas também refletimos sobre as questões laborais destes servidores, que cumprem uma missão importante, já que é quem faz o elo entre todos os mandados judiciais até os cidadãos, às vezes levando uma boa notícia, às vezes não, mas é quem faz esse meio de campo entre a Justiça paraibana e os jurisdicionados", afirmou.
 
Já o presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça da Paraíba (Sindojus-PB), Benedito Venâncio de Fonseca, agradeceu o reconhecimento da ALPB a categoria e ressaltou que a sessão é uma oportunidade para discutir os avanços e desafios da profissão no âmbito do Estado.
 
"Essa homenagem, para nós enquanto sindicato, é muito importante, porque é um divisor para a gente cobrar e colocar certas situações que, no momento, os oficiais de Justiça estão vivendo. Torna-se muito mais uma sessão especial pela questão de como estamos hoje no nosso trabalho e a Assembleia fazer essa discussão nos dá um caráter animador", destacou.
 
Também participaram da sessão especial o deputado Trócolli Júnior; o vice-presidente do Sindojus-PB, Joselito Bandeira Vincente; o vice-presidente do Sindicato do Técnicos e Analistas do Judiciário da Paraíba (Sintaj-PB), José Ivonaldo; e o advogado Yuri Paulino.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias